Imprimir

Nota de pesar pelo assassinato da vereadora Marielle Franco

Data de publicação .

 

 

 

A Fundação João Pinheiro manifesta protesto e indignação pelo brutal assassinato de Marielle Franco, vereadora do Rio de Janeiro, e do seu motorista Anderson Pedro Gomes. Marielle lutava contra as desigualdades sociais, o preconceito e a violência, mas acabou sendo mais uma vítima da situação que combatia com ideias e atuação pacífica. Estão de luto não apenas os familiares de Anderson, de Marielle e a cidade do Rio de Janeiro, mas o conjunto da sociedade brasileira.